Das Telas às Cozinhas Internacionais: Entrevista com o ator Gustavo Leão

“Decidi traçar novos rumos, viver outros sonhos. Ir em busca de novos desafios.” Foi assim que o ator Gustavo Leão — que brilhou em produções de sucesso nas emissoras Band, Globo e Record — relatou em seu perfil de Instagram a vontade de dar uma pausa na carreira artística para encarar novos desafios, pegando seus fãs de surpresa.

Com visto de estudante em mãos, mudou-se com a esposa e seus dois cachorros para Vancouver em dezembro de 2017. E nesta entrevista para o Rede Canadá, ele conta como está sendo esta nova experiência de vida.

Por que você escolheu o Canadá como destino para essa nova etapa da sua vida? Já conhecia o país?

Nossa primeira ideia era ir para os USA, mas com a alta do dólar, a vitória do Trump e tudo mais, deixou de ser a nossa primeira opção. A Pamella, minha esposa, tinha feito intercâmbio para Vancouver em 2012. Ela disse que aqui era incrível, a cidade era linda, o clima era maravilhoso, e a segurança era absurda. Então pesquisei uma boa escola de culinária, e qual seria o trâmite para trazer meus cachorros. Vi que seria viável, e Vancouver se tornou a melhor opção, e me surpreende positivamente a cada dia. Foi amor à primeira vista, pois nunca tinha vindo para cá.

Além de ser um centro gastronômico, Vancouver é a meca do entretenimento na América do Norte. Muitos filmes e seriados americanos são filmados na cidade. Você pensa em conciliar a carreira de chef com possíveis oportunidades de atuação no exterior?

A princípio, estou focado mesmo nos estudos, na culinária e em crescer profissionalmente por aqui. Acho que a carreira de ator por aqui é uma coisa mais distante, mas não descarto nenhuma possibilidade.

No quesito qualidade de vida, Vancouver conseguiu atender a suas expectativas? Quais são os pontos positivos de morar na cidade?

Vancouver é sensacional, não só atendeu, como superou minhas expectativas. Moro em West End, e optei por não ter carro aqui. Não preciso; o transporte público é brilhante, e quando precisamos de carro, usamos o car share. Aprendemos aqui que a vida pode ser mais simples do que a gente imagina!

Como você agora é estudante de culinária, eu não poderia deixar de fazer esta pergunta: quais restaurantes de Vancouver você indica para quem deseja comer bem?

Olha, vou te falar que tenho estudado tanto aqui, que nem frequentei ainda os bons restaurantes. Mas posso dizer que o The Keg está entre os preferidos dos que fui até agora. O atendimento é ótimo, e a comida é maravilhosa.

Depois de terminar o seu curso, voltar para o Brasil está em seus planos?

Pergunta complicada essa, a gente nunca sabe o dia de amanhã. Mas a princípio, tanto eu quanto a Pamella — e claro, Snow e Bila (meus cachorros) — estamos muito felizes por aqui. Gostaríamos de ficar mais tempo. O Brasil vive um momento complicado; principalmente no Rio de Janeiro onde temos casa, a segurança pública está precária. E quando a gente vai ficando mais velho, isso pesa muito. Aqui temos tudo, segurança, educação, qualidade de vida, saúde. Não tenho vaidade de ter que começar do zero por aqui. A vida é feita de escolhas, e vir para Vancouver foi uma delas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

two × 2 =